13 dicas para começar a vender pela internet da criação da loja virtual a logistica

13 dicas para começar a vender pela internet: da criação da loja virtual à logística

Abrir uma loja virtual e começar a vender pela internet vem se tornando cada vez mais fácil. Todos os processos – da criação da plataforma à logística – estão sendo simplificados. O resultado é que nunca foi tão simples fazer com que seu produto chegue aos mais diferentes cantos do Brasil.

A verdade é que o momento é bastante propício para começar a vender pela internet. As adaptações que foram necessárias devido à pandemia fizeram com que o e-commerce crescesse como nunca no Brasil. Dados do relatório Webshoppers, elaborado pela Ebit | Nielsen, mostram que o e-commerce registrou crescimento recorde no país no primeiro semestre de 2020: 47%, a maior alta dos últimos 20 anos!

Mas por onde começar? Quais questões devem ser levadas em consideração? Para te ajudar preparamos esse checklist com 13 dicas para começar a vender pela internet. 

Vender pela internet: por onde começar?

Antes de começar a vender pela internet você precisará conhecer bem o ambiente virtual e estabelecer quais objetivos pretende alcançar. Para isso, a elaboração de um plano de negócios se faz necessária. Este documento traz uma visão geral da sua empresa: do produto aos concorrentes, do mercado à logística. 

As dicas dadas a seguir servirão como base para que você monte o seu plano de negócios. Com esse documento em mãos, você estará melhor preparado para começar a usar a internet para vender seu produto. Confira as dicas:

1 – objetivos, metas e orçamento: todo trabalho precisa ter um objetivo a ser alcançado. E quando falamos de vendas, as metas também são necessárias. Além desses dois tópicos, é importante definir quanto de capital você terá disponível para estruturar a sua loja virtual.

2 – Estude sobre e-commerces: antes de criar a sua loja virtual e começar a vender pela internet, faça uma pesquisa sobre como esse tipo de comércio funciona, o que será preciso para abrir uma loja virtual, quais plataformas oferecem esse serviço e quanto você está disposto a investir no projeto. Reúna essas informações e use elas para tomar decisões acerca dos próximos passos.

3 –  Estude os concorrentes: se o e-commerce no Brasil cresceu 47% só esse ano você já deve supor que o número de lojas virtuais também disparou. Mas não deixe isso te intimidar. Faça um levantamento de quais serão os seus principais concorrentes a nível regional e também nacional. Estude-os!

Como funcionam seus sites, quais os preços praticados, de qual maneira eles se comunicam com o público. Todos esses dados serão muito importantes para te ajudar a absorver boas ideias e também evitar erros que eles porventura estejam cometendo;

4 – Escolha a plataforma de e-commerce: uma das maiores vantagens da internet é que ela se tornou muito mais acessível aos mais diversos públicos. Hoje em dia é possível criar e estruturar um e-commerce para vender pela internet usando plataformas que tornam essa tarefa simples e intuitiva. O WordPress, por exemplo, é uma das maiores plataformas de criação de lojas virtuais do mundo. Mas há muitas outras como o WooCommerce, a Nuvemshop, a Loja Integrada, o Wix e a DigitalSeller. Escolha aquela que te ofereça segurança, a melhor experiência e esteja dentro do orçamento estipulado.

5 – Preze pela usabilidade: escolha uma plataforma de e-commerce que seja simples de ser usada. Pense com a cabeça do seu cliente e faça toda a jornada de compras para garantir que ele não terá problemas ao visitar a sua loja e ao adquirir produtos;

6  – Organize seu e-commerce por categorias: ainda pensando na experiência de compra de seus clientes, divida os seus produtos por categorias. Isso vai facilitar a navegação do cliente e a busca pelos produtos que ele precisa.

7 – Se atente ao título e à descrição dos produtos: é fundamental dar atenção à descrição dos produtos. Essa descrição deve ser objetiva, completa e nunca prometer aquilo que não pode ser cumprido. Também é importante ser assertivo na descrição do título do produto.

Evite adjetivos no título. Uma maneira de não errar é imaginar como o seu cliente procuraria o seu produto nos buscadores, por exemplo. É o que chamamos de SEO. “Calçado Masculino Preto Marca X”, esse é um exemplo de título direto e que ajudará seus clientes a chegarem a seu produto.

13 dicas para abrir sua loja virtual e começar a vender pela internet
Tirar boas fotos do produto e se atentar ao título e a descrição do mesmo é muito importante para conseguir vender pela internet.

Meu e-commerce já está no ar: e agora?

Você já pesquisou sobre o mercado, já escolheu a plataforma de e-commerce, já cadastrou seus produtos e dividiu eles por categorias. E agora? As próximas dicas vão te ajudar a vender pela internet para muito mais clientes:

8 – Invista em marketing digital: o marketing digital é mais barato do que o tradicional e pode trazer resultados mais rápido. Além disso, ele oferece uma série de dados que podem ser usados para definir como serão os próximos passos. Você pode investir em anúncios no Google, por exemplo, e também em redes sociais como o Facebook.

O orçamento pode ser controlado e os anúncios são interrompidos quando o limite é alcançado. Uma dica de ouro para quem está começando é fazer os cursos rápidos e gratuitos que o próprio Google oferece visando preparar as pessoas para o universo da publicidade digital.

💡 Leia também: 10 sites para fazer curso de marketing digital online e de graça!

9 – Mantenha presença ativa nas redes sociais: o papel das redes sociais no e-commerce é cada vez mais significativo. Manter uma página ativa da sua empresa em redes como o Facebook e o Instagram vai ajudar sua marca a ter presença digital e também a ser encontrada por clientes em potencial que estejam ali.

Além disso, conforme dito acima, essas redes oferecem ferramentas de criação de anúncios personalizados que podem trazer ainda mais clientes em potencial para sua loja virtual.

10 – Cogite ter um blog: criar conteúdos que conversem com seu público pode trazer mais clientes para sua loja. Além disso, ao aplicar técnicas de otimização ao conteúdo (SEO), você poderá criar uma nova fonte de tráfego para sua loja virtual vinda diretamente das buscas do Google e de outros buscadores. O melhor de tudo é que a estratégia de criação de conteúdo gera resultados organicamente, ou seja, não requer investimento financeiro.

13 dicas para abrir sua loja virtual e começar a vender pela internet
Todo detalhe faz diferença para conquistar os clientes. Cuidado extra na hora de embalar e também na logística de entrega podem ser importantes diferenciais do seu negócio.

Comecei a vender pela internet: qual o próximo passo?

Quando você começar a receber pedidos de clientes vai se dar conta que precisará lidar com algumas burocracias, o que envolve questões de contabilidade como emissão de notas fiscais, por exemplo. É prudente contar com a assessoria de um profissional de contabilidade para garantir que você não acabará deixando passar nenhuma obrigação para com o fisco. Além disso, se atente a mais algumas coisas:

11 – Capriche no atendimento: por mais que a maioria das pessoas goste de comprar totalmente online e sem necessidade de intervenção de outra pessoa, ainda há aquelas que precisam de suporte. Por isso, deixe canais de atendimento à disposição do cliente (e-mail, telefone e redes sociais).

Quando precisar lidar com atendimentos, seja cordial e lembre-se que uma má impressão do atendimento pode gerar reclamações que trarão dores de cabeça. Caso tenha uma equipe, treine-os para que o atendimento seja de excelência e o tom adotado seja uniforme.

12 – Preze pela Logística: de nada adianta ter se esforçado para criar um site simples e fácil de usar se o cliente não receber o que comprou dentro do prazo estipulado ou se o prazo for muito longo. Cada vez mais e-commerces estão melhorando seus processo logísticos para garantir entregas e trocas rápidas. Logística eficiente é o diferencial competitivo da vez.

13 – Conheça outras opções de logística: contar apenas com o serviço de uma transportadora para entregar o que você vender pela internet pode não ser a ideia mais inteligente em um mercado que, conforme dito, preza cada vez mais pela logística eficiente.

É pensando nisso que surgiram serviços como o do Melhor Envio, plataforma especializada em logística. Na plataforma do Melhor Envio, é possível fazer a cotação de envios com diversas transportadoras, sabendo na hora qual poderá oferecer o melhor frete com o menor preço. O mais bacana é que a plataforma é gratuita e simples de usar.

Começar a vender pela internet exige planejamento, estruturação e muito foco. Mas em um mercado cada vez mais digitalizado, abrir uma loja virtual é a escolha acertada para ter um negócio de sucesso. Seguindo as dicas dadas neste artigo e nunca deixando de ir atrás de mais informações, você terá a base necessária para prosperar. 

Deixe uma resposta