Se voce gostou de Emily em Paris precisa conhecer Younger

Se você gostou de Emily em Paris, precisa conhecer Younger! Saiba o porquê.

Emily em Paris foi uma das maiores atrações dos últimos meses. Quase todo mundo viu, comentou e tem uma opinião formada sobre a série – seja ela boa ou ruim. O que muita gente não sabe é que o diretor da série, Darren Star, também dirige outra produção com os mesmos elementos: a série Younger.

No ar desde 2015 pelo canal TV Land, Younger já possui 6 temporadas. A série é protagonizada por Sutton Foster na pele de Liza, uma mulher de 40 anos que precisa mentir sua idade para conseguir voltar ao mercado de trabalho após mais de uma década afastada para cuidar da filha e do marido. Hilary Duff, Debi Mazar, Miriam Shor e Nico Tortorella completam o elenco.

Cansada de ser descartada pelo mercado de trabalho por causa da idade, Liza (direita) conta com ajuda da amiga Maggie (esquerda) para colocar um mirabolante plano em ação: 'rejuvenescer' 14 anos! Essa é Younger.
Cansada de ser descartada pelo mercado de trabalho por causa da idade, Liza (direita) conta com a ajuda da amiga Maggie (esquerda) para colocar um mirabolante plano em ação: ‘rejuvenescer’ 14 anos!

Younger: mercado de trabalho e conflitos de gerações

Liza tem 40 anos. Apesar de ter concluído a faculdade e ter começado uma carreira promissora, ela decidiu deixar sua vida profissional de lado quando engravidou e se casou, 14 anos atrás. Atualmente, com sua filha na faculdade e recém divorciada, Liza resolve dar um up em sua vida e voltar ao mercado. Ela só não imaginaria que seria tão difícil…

Cansada de levar sucessivos nãos por causa de sua idade e do tempo que ficou sem trabalhar, Liza aceita os conselhos de sua melhor amiga Maggie (Debi Mazar), dá um up no visual, falsifica seu RG e começa a colocar em seu currículo que tem apenas 26 anos. 

Não demora muito e ela consegue um emprego em uma grande editora. Será assistente de marketing de Diana (Miriam Shor) e colega de trabalho da jovem e divertida Kelsey (Hilary Duff). Mas, por quanto tempo Liza vai conseguir esconder sua verdadeira idade? Logo ela percebe que fingir ser alguém 14 anos mais jovem é cansativo e muito trabalhoso.

Younger usa um texto leve e muito divertido para falar sobre um assunto sério e importante: como as mulheres são tratadas pelo mercado de trabalho. As jovens precisam dar o dobro de si para obter algum reconhecimento. Já as mais velhas são rapidamente descartadas como se não servissem mais. 

Nesse contexto, a personagem de Hilary Duff representa a mulher jovem e talentosa que precisa gritar para ser ouvida. A personagem de Miriam Shor representa a mulher de meia idade que precisa vestir uma couraça para ser tratada em pé de igualdade com os homens. Por fim, a nossa protagonista, Sutton Foster, transita por esses dois mundos enquanto tenta se enturmar com os jovens no trabalho e agir como mãe de uma adolescente na vida pessoal.

Mais do que apenas o mercado de trabalho, a série mostra como é envelhecer em uma sociedade machista – o que implica em consequência na vida amorosa, sexual e social. 

Desde que estreou, Younger é um grande sucesso de crítica e conquistou um público fiel.
Desde que estreou, Younger é um grande sucesso de crítica e conquistou um público fiel.

Sucesso de crítica

Aclamada no Rotten Tomatoes, a série recebeu 100% de críticas positivas em cinco das seis temporadas que já foram ao ar. No Metacritic, Younger possui notas acima de 70 em suas temporadas – o que indica sucesso crítico.

Por ser transmitida em um pequeno canal de tv americano, Younger não chegou ao grande público da maneira como outras séries de Darren Star chegaram (vide a repercussão que Emily em Paris está tendo na Netflix). 

Apesar disso, a série conquistou um público apaixonado pela história e viu sua audiência subir temporada após temporada. Aliás, a sétima temporada já foi confirmada para 2021. No Brasil, você pode conferir as seis temporadas de Younger no serviço de streaming Amazon Prime Video.

Comparações com Emily em Paris

A fórmula que Darren Star usou em Emily em Paris é muito parecida com a que ele vem usando em Younger – e você vai perceber isso assim que começar a ver a série.

Redes sociais e o universo do marketing digital são temas recorrentes em todos os episódios. Para quem trabalha na área, é bacana entender como são criadas campanhas para o lançamento de livros e produtos editoriais. 

Liza é de Nova Jersey, mas se muda para Nova York ainda no primeiro episódio. Dessa maneira, o tema “mulher em uma cidade nova explorando o que o lugar tem de bom” é mais uma coisa em comum entre Emily e Younger.

À medida que você for assistindo a série, vai percebendo mais similaridades. Até mesmo a construção dos núcleos é semelhante. A “jovem” assistente, a chefe de meia idade que é ranzinza mas gente boa e o cara gato (Nico Tortorella) que surge no caminho… isso te lembra alguma coisa?

Por isso, se você assistiu Emily em Paris e quer mais uma série leve para se deliciar, Younger é a pedida certa!

Deixe uma resposta