Quer saber o que o algoritmo do Youtube leva em consideração para fazer seu trabalho? O próprio Youtube veio a público explicar alguns pontos. A seguir, você saberá quais pontos são esses.

Como funciona o algoritmo do Youtube? Entenda como ranquear melhor seus vídeos

Já se perguntou quais critérios o Youtube usa para exibir os resultados das buscas de vídeos na plataforma? Já parou para pensar como ele decide quais vídeos estarão em destaque na primeira página e quais serão recomendados para você assim que você terminar de assistir algum vídeo? Todas essas questões são determinadas pelo algoritmo do Youtube, um mecanismo de inteligência artificial.

Quer saber o que o algoritmo do Youtube leva em consideração para fazer seu trabalho? O próprio Youtube veio a público explicar alguns pontos. A seguir, você saberá quais pontos são esses.

O que é um algoritmo?

Algoritmo é um código que cria comandos pré-determinados para realizar uma ação. Os resultados das buscas no Google, por exemplo, são exibidas de acordo com os critérios do algoritmo do Google. Da mesma maneira, os resultados de busca do Youtube são exibidos de acordo com os critérios do algoritmo do Youtube. 

Esses critérios são definidos à partir dos objetivos da empresa que está por trás da plataforma e podem mudar constantemente. O Google, por exemplo, geralmente divulga a maioria dos critérios que usa em seu algoritmo (nunca todos), mas de tempos em tempos faz atualizações nesses determinantes. 

O algoritmo do Youtube leva em consideração uma série de fatores. Alguns deles não podem ser influenciados pelo youtuber, mas outros podem.
O algoritmo do Youtube leva em consideração uma série de fatores. Alguns deles não podem ser influenciados pelo youtuber, mas outros podem.

O que o algoritmo do Youtube leva em consideração?

O Youtube publicou um vídeo na própria plataforma onde a gerente de produto do Youtube Analytics, Patricia, e sua colega de trabalho, Rachel, explicam detalhes sobre o algoritmo da plataforma. A seguir, trago detalhes do que foi explicado no material.

Antes de entrar em detalhes, Patricia explica que o Youtube está para lançar melhorias na página de analytics dos canais, trazendo novos dados como a taxa de cliques e o tempo médio de permanência que cada usuário fica assistindo os vídeos em seu canal.

O objetivo do Youtube é permitir que o youtuber entenda como o conteúdo que está produzindo está sendo recebido pelo público. Se o tempo de permanência do usuário assistindo seus vídeos é muito baixo, por exemplo, isso pode indicar que há algo de errado com seu conteúdo ou com a forma como ele foi publicado.

A seguir, começamos a desvendar o algoritmo do Youtube.

Grau de importância e engajamento

Rachel, que trabalha na equipe de Patrícia, explica que o algoritmo do Youtube atribui importância diferenciada a vídeos muito populares e a vídeos menos populares – mas isso não é necessariamente ruim.

O algoritmo entende que os acessos vindos de vídeos muito populares em seu canal não são necessariamente de pessoas que querem consumir o que você tem a oferecer, mas sim de um público mais amplo (que pode ter chegado até você aleatoriamente). Por outro lado, os acessos a vídeos menos populares em seu canal podem indicar que aqueles usuários estão mais propensos a se tornarem consumidores do seu conteúdo. 

O algoritmo está de olho nesse detalhe, em quantos usuários realmente consomem seu conteúdo e quantos caíram nele acidentalmente e não têm interesse no que você oferece. Obviamente, a fidelidade do público ao canal é um fator importante – e é construída aos poucos.

Título e miniatura

O algoritmo do Youtube leva em consideração o título, a descrição e a qualidade da miniatura para ranquear os vídeos. Porém, se ele percebe que os usuários estão clicando em seu material e passando pouco tempo nele, isso pode ser interpretado como um sinal que o seu título e a sua miniatura não estão oferecendo exatamente o que sugerem. Isso pode fazer com que seu vídeo seja jogado para baixo nas buscas. Sempre se atente à qualidade do seu título e da sua miniatura. Nunca induza o público ao erro, pois isso pode se voltar contra você.

Rachel sugere que, caso você esteja analisando suas métricas e perceba que seu vídeo está atraindo público mas o tempo de acesso desse público é muito baixo, é hora de rever o título e a miniatura e fazer testes até encontrar um título que corresponda ao conteúdo de modo que aumente o tempo de permanência do público. É melhor atrair menos público mas fidelizar essa audiência do que atrair muito público mas não retê-lo. Dica de ouro!

Primeira página

Rachel explica que os vídeos escolhidos para a página inicial estão ali porque o algoritmo do Youtube, com base em navegações anteriores dos usuários, acredita que aquele conteúdo vai interessar a ele. Não há muito o que o criador possa fazer diretamente para estar ali, mas prestar atenção ao título correto para seu vídeo ajuda o Youtube a entender do que aquele material se trata.

Novamente, se o seu vídeo foi escolhido para estar na primeira página como recomendação ao usuário e o Youtube percebe que as pessoas estão clicando e saindo muito rapidamente daquele vídeo, uma luz amarela é acesa e pode indicar que algo está destoante.

Os novos dados do Youtube Analytics ainda não etão disponíveis a todos os criadores de conteúdo, mas estarão muito em breve.
Os novos dados do Youtube Analytics ainda não etão disponíveis a todos os criadores de conteúdo, mas estarão muito em breve.

Duração do vídeo

A taxa de permanência média que o usuário passa consumindo um vídeo é determinada independentemente do tamanho desse vídeo. Porém, vídeos muito longos podem implicar em maior abandono por parte dos usuários, o que automaticamente acarreta numa taxa de permanência menor – e isso não é bom. Qual é o tempo ideal de um vídeo do Youtube? Esse é um fator que o youtuber vai ter que definir à partir de testes, observações e conhecimento de seu público. Não há uma resposta pronta para essa pergunta.

Competição

Assim como acontece com o algoritmo do Google, o algoritmo do Youtube também presta atenção no grau de dificuldade de determinados termos-chave. Isso significa que se você escolhe um termo muito popular como título de seu vídeo, terá um público mais amplo porém terá uma concorrência muito maior – o que pode fazer com que você demore muito tempo para alcançar boas posições nas buscas. Isso não significa necessariamente que seu conteúdo é ruim, mas sim que existem milhares de outros vídeos melhores ou tão bons quanto o seu.

Nicho

Determinar seu nicho e produzir conteúdo com título, miniatura e tempo de duração personalizados para esse nicho é uma dica dada por Rachel para que quem está começando possa cavar seu espaço no Youtube. Quanto mais genérico o seu público, mais difícil será para o seu conteúdo se destacar no Youtube.

Sazonalidade

Rachel explica que o Youtube, assim como diversas outras plataformas, possui públicos sazonais. Isso significa que seu vídeo sobre determinado assunto pode passar um tempão recebendo poucos acessos e, de uma hora para outra, começar a receber muito tráfego.

Isso não significa necessariamente que o algoritmo do Youtube passou a olhar com carinho para seu conteúdo. Pode ser apenas que alguma coisa aconteceu (no mundo, no seu país, na sua cidade, etc) que despertou o interesse repentino de determinado público para aquele assunto. Fenômenos como esse são comuns no Youtube.

A sazonalidade também se manifesta levando em consideração datas comemorativas, feriados, fins de semana, férias escolares, ocasiões importantes, notícias de grandes repercussão e por aí vai.

O público chega em onda, seu tráfego cresce rapidamente e depois recua. Entender a sazonalidade do Youtube ajuda o criador de conteúdo a manter a cabeça no lugar quando ele começar a receber muito tráfego repentino e também quando esse tráfego volta a baixar.

Os fatores citados acima são os que mais influenciam o algoritmo do Youtube, portanto, se atente a eles. Os dados de taxa de clique e tempo de permanência ainda não estão disponíveis para todos os criadores de conteúdo, mas estarão em breve. Fique atento à sua página de analytics no Youtube e interprete os dados dela com sabedoria. 

É sempre bom reforçar que os maiores segredos para se tornar um sucesso no Youtube são a persistência (você não vai crescer da noite para o dia), a consistência (construir uma audiência demanda tempo e postagens constantes), a qualidade (faça o seu melhor com o melhor que você tem) e o coração (quando você fala com o coração, isso transparece no seu conteúdo e gera empatia na audiência).

Siga o Plugar Ideias no Instagram e ajude o blog a crescer. Lá você confere dicas e informações diárias sobre marketing e criatividade. 

Um comentário sobre “Como funciona o algoritmo do Youtube? Entenda como ranquear melhor seus vídeos

Deixe uma resposta