entenda o que é SEO e como ele é aplicado

O que é SEO – Search Engine Optimization?

SEO, essa pequena sigla de apenas três palavras aparece muitas vezes nos mais diversos conteúdos que falam sobre marketing digital. Também pudera, trata-se de uma das maneiras mais baratas e eficientes de trazer tráfego para seu site e assim fazer sua estratégia de Inbound Marketing girar conforme o esperado.

A partir de agora, vamos entender o que é SEO, porque ele é importante e como aplicá-lo ao seu negócio digital. Vem comigo!

Entendendo o que é SEO

A sigla SEO significa Search Engine Optimization, ou, em Português: Otimização para os Mecanismos de Busca. Trata-se de uma série de técnicas e práticas que, quando aplicadas corretamente podem fazer com que seu site e seu conteúdo sejam encontrados muito mais rápido nos mecanismos de busca.

Sabe quando você abre um buscador, como o Google, e pesquisa alguma palavra-chave ou frase curta? Você vai perceber que os primeiros resultados aparecem com palavra “anúncio” ao lado do título. Aqueles sites pagaram para estar ali, e isso não é SEO.

Logo abaixo dos anúncios pagos, você vai encontrar dez diferentes sites com resultados para a palavra-chave que buscou. Esses resultados são chamados de busca orgânica. O objetivo das técnicas de SEO é fazer com que seu site e seus conteúdos apareçam logo nos primeiros resultados da busca orgânica, justamente porque a maioria das pessoas só clicam naqueles resultados da primeira página. Isso sim é SEO.

Há poucos anos atrás havia pouca gente fazendo conteúdo otimizado para os buscadores, mas hoje isso se tornou praticamente uma obrigação de todo produtor de conteúdo. Isso significa que está cada vez mais difícil ranquear seu conteúdo entre as primeiras posições daquelas palavras-chave que você quer atingir pois as considera importantes para o seu negócio. 

Não existe um manual de SEO oficial do Google que defina exatamente quais técnicas devem ser aplicadas e quais devem ser evitadas. As técnicas de SEO usadas no mercado atualmente são resultado de muita pesquisa por parte de produtores de conteúdo do mundo inteiro que tentam desvendar os algoritmos do Google e viram que há certas práticas que realmente ajudam um texto a ranquear melhor. 

Mas é importante dizer que os algoritmos de busca do Google estão constantemente mudando e o que funcionava ontem, hoje pode não funcionar mais. O SEO está em evolução constante e o profissional de conteúdo deve estar sempre atento ao que está acontecendo no mercado.

O SEO deixou de ser um detalhe a mais para se tornar o foco de toda estratégia de marketing de conteúdo.  (Ilustração: Freepik)
O SEO deixou de ser um detalhe a mais para se tornar o foco de toda estratégia de marketing de conteúdo. (Ilustração: Freepik)

Palavras-chave: a base de tudo

Para iniciar uma estratégia de SEO, você precisa encontrar as palavras-chave que irá tentar ranquear. Essas palavras têm importância para seu negócio e é vital que, quando um cliente em potencial digitar tais palavras no buscador, o seu site e seu conteúdo sejam os primeiros que ele irá encontrar.

Há algumas ferramentas que podem ser usadas para te ajudar a definir as palavras-chave. Elas mostram o volume de buscas para aquela palavra-chave e o nível de dificuldade que é atacar aquela palavra. As duas ferramentas mais famosas do mercado para esse trabalho são o SemRush e o Ubbersuggest.

O SemRush é provavelmente o programa de consulta de palavras-chave mais popular do mercado. Ele oferece uma gama muito rica de informações sobre as palavras-chave que você está buscando, inclusive palavras relacionadas, nível de dificuldade e outras informações. É um programa pago e com assinatura mensal.

O Ubbersuggest é uma ferramenta um pouco mais simples, mas tem a vantagem de ser gratuita. Também é bastante eficiente para a consulta de palavras-chave. Muitos produtores de conteúdo fazem uso das duas ferramentas para maximizar as informações acerca das palavras-chave que deverão ser trabalhadas.

Quando você desenvolve um estratégia de marketing de conteúdo, ou Inbound Marketing, uma das principais tarefas é fazer regularmente o mapeamento das palavras-chave que serão o foco do trabalho no próximo período. Com essas palavras em mãos, ficará mais fácil elaborar o calendário de pautas do próximo período.

O SEO On page executa ações no conteúdo e na página, já o SEO off page é o conjunto de ações fora da página. (Imagem: Freepik)
O SEO On page executa ações no conteúdo e na página, já o SEO off page é o conjunto de ações fora da página. (Imagem: Freepik)

Tipos de SEO

Existem basicamente duas frentes de SEO: on page e off page.

SEO on page são todas as técnicas de SEO que serão aplicadas no conteúdo para torná-lo mais fácil de ser encontrado na busca orgânica. São técnicas que estão ao alcance do responsável pelo site executar. Isso inclui o uso das palavras-chave, atenção aos títulos, uso de imagens, legendas de imagens, descrição de imagens e por aí vai. Para mais detalhes sobre técnicas de SEO on page, leia nosso artigo sobre o assunto.

Já o SEO off page são técnicas que não dependem diretamente do responsável pelo site executar. Isso engloba principalmente a disseminação de links do seu site e do seu conteúdo em outros sites. É a estratégia chamada de linkbuilding. O Google entende que, quanto mais sites disseminam o seu conteúdo, mais autoridade você tem para falar dos assuntos que fala. Leia mais sobre linkbuilding aqui. 

Algumas outras questões também influenciam no SEO on page e off page. Tais questões incluem a interface do site, uma boa versão mobile e a preocupação com a experiência do usuário enquanto ele está usando seu site. Um site não responsivo, ou seja, que trava e que não oferece uma boa experiência ao usuário, acaba afastando o público. Os mecanismos do Google entendem que aquele site não é bom  para o usuário e podem acabar penalizando-o e jogando ele lá pra baixo nos resultados de busca.

Quando você entende melhor sobre SEO e passa a aplicá-lo, acaba percebendo que isso se tornará natural na sua escrita para a internet. Mas é importante estar sempre estudando o assunto. Os mecanismos de busca, especialmente o Google (que é responsável por mais de 90% das buscas no mundo) estão constantemente alterando seus mecanismos de funcionamento. Ou seja, o que era uma técnica de SEO ontem, hoje pode não ser mais. 

Entendeu o que é SEO? Não é tão difícil quanto parece, não é mesmo? Até mais!

Foto de capa: Upklyak/Freepik

8 comentários sobre “O que é SEO – Search Engine Optimization?

Deixe uma resposta